Libertadores… ah, Libertadores!

Na ordem, os brasileiros que conseguiram os melhores resultados:

1- Galo

2- Palmeiras

3- Grêmio

4- Fluminense

5- Corinthians

6- São Paulo

Porém, uma coisa é conseguir um resultado bom/razoável na partida de ida, eu mesmo comemorei loucamente quando empatamos em La Bombonera em 2000… outra coisa é transformar esse hipotético bom resultado em classificação efetiva.

O Corinthians, por exemplo, tem plenas condições de tocar dois gols no Boca, porém, há que se constatar que nem mesmo na Libertadores passada o time precisou ir para algum jogo PRECISANDO GANHAR.

O Palmeiras, por outro lado, “só” tem que ganhar de 1×0, mas é sempre bom lembrar que precisa fazer um gol, no mínimo, pois essa “vantagem” não significa nada se ao final dos 90 minutos, o placar estiver virgem.

Mesma situação vive o Fluminens, precisa “só” de 1×0, mas tem mais time. MUITO mais time, no caso. E o Grêmio joga pelo empate, situação que só não é mais confortável que a do Galo, que talvez entre pra “se divertir” no jogo da volta, uma vez que o São Paulo insiste em jogadores celenterados e unicelulares, como Lúcio e Luís Fabiano. Ontem, o jogo estava nas mãos do São Paulo, perdendo gols e dominando a partida, até o Lúcio fazer aquela bobagem!

Vejo a gente perdendo uma quartas de final para o Galo… e o Corinthians os eliminando, pra enfrentar o Fluminense na final.

Se bem que o Galo, bem reforçado com os Meninos de Caruaru forjados no Goiás anda, a despeito de tudo o que o cerca desde priscas eras pintando como Campeão! Um legítimo campeão, e eu quase começo a ficar feliz pelo Christian…

Anúncios